$

Cidades

Aparece homem que diz ser dono de R$ 1,3 milhão

8 meses atrás
Foto: Reprodução
O Popular
Galtiery Rodrigues

Na tarde de hoje, por volta das 14 horas, um homem foi até a Superintendência da Polícia Federal, no Setor Pedro Ludovico, e se apresentou como sendo o dono do R$ 1,364 milhão encontrado do Fiat Strada abandonado no estacionamento do Aeroporto Santa Genoveva. Ele alegou ter juntado o dinheiro por meio de agiotagem, venda de casas, carros e operações em casas de câmbio. O indivíduo não foi preso, porque a Polícia Federal ainda não instaurou o inquérito oficialmente e, portanto, não tem o número de processo que respalde um pedido de prisão preventiva.

O delegado que investiga o caso, Marcel de Oliveira, disse que o dinheiro continua sendo ilegal. O homem tem relação com as demais pessoas consideradas suspeitas e, inclusive, citadas em matéria exclusiva publicada na edição de hoje do POPULAR. Ele declarou ao delegado que decidiu por deixar o carro no aeroporto na noite de 26 de fevereiro (veja vídeo acima), porque, no dia, sentiu que estava sendo perseguido e que alguém sabia que ele estava com a quantia. Lá, seria, na visão dele, um lugar seguro para deixar o carro.

O homem diz, ainda, que deixou o carro trancado e que a quantia seria maior do que a que chegou até a Polícia Federal.